Loading

O novo herói brasileiro tem nome (aliás, patente e sobrenome): Capitão Nascimento!

Tropa de Elite - Capitão Nascimento, o novo herói brasileiroFiquei tentado a escrever sobre Tropa de Elite, buscando uma versão “alternativa”, mas aguardei até ver nos cinemas o que promete ser o maior campeão nacional de bilheteria (e infelizmente, de pirataria).

Tropa de Elite é sem dúvida um filme acima da média, tanto nacional quanto “made in USA”. Há quem discorde, mas tudo bem.

Bem disse a revista Veja após a estréia: “o filme trata bandido como bandido e jovem burguês maconheiro como sócio de traficante, financiando o crime”. É assim que foi e muita gente não tinha coragem de dizer.

O filme é bom, vá ver nos cinemas e se possível o compre (original, quando sair). Não vou relatar muito do filme, pois se você ainda não viu, já deve ter ouvido em todos os cantos. Quero mesmo é falar do Capitão Nascimento.

Impossivel não comparar o perfil dele com os demais casca-grossas do cinema e TV. Cuidem-se Chuck Norris, Bruce Willis e Jack Bauer. Este capitão chegou para ficar! Somente hoje recebi 3 e-mails com facts (ações, fatos, etc) sobre nosso novo personagem, cada um mais hilário, incluindo os monólogos do Cap. Nascimento. Aqui vão alguns:

  • Capitão Nascimento não sai de lugar nenhum devendo ninguém, sempre põe na conta do Papa.
  • Capitão Nascimento não tem medo da morte, a morte tem medo dele.
  • Quando Deus disse “Que se faça a luz!”. Capitão Nascimento falou “Tá de sacanagem, Sr. 01? Tá com medinho do escuro, Sr. 01?”
  • Getúlio Vargas não cometeu suicídio, ele só pediu pro Capitão Nascimento: “Na cara não, pra não estragar o velório.”
  • Quando Deus resolveu criar o Universo foi pedir permissão ao Capitão Nascimento e ele respondeu: “Senta o dedo nessa porra!”
  • A roupa do Super-Homem era preta até o Capitão Nascimento dizer: “Tira essa roupa preta porque você é moleque!”

E por aí vai…toques de celular com o Rap das Armas ou Tropa de Elite, piadinhas, foto montagens. Basta uma busca no Google e você acha tudo isso e muito mais.

Tropa de Elite: o filme trata bandido como bandido e jovem burguês maconheiro como sócio de traficante, financiando o crimeAcredito que o receio da Polícia de que o filme passe uma visão cruel e que denigra a imagem da corporação não se concretize de fato. O sucesso absurdo do filme se deve justamente ao “poder” do BOPE. Existem policiais bons e corruptos. Existem pessoas boas e traficantes nos morros. Existe gente preocupada com os outros e aqueles que acham que é bonito se preocupar.

Na real, o Cap. Nascimento pode até cometer torturas no filme, mas não deixa de ser um pai preocupado, um paradoxo talvez. Os fins não justificam os meios mas também não definiram o ral caráter dele. Uma ação não justifica outra, mas o resultado é que o cara é F&#@ e todos que assistem querem ser um pouquinho dele. Ou você já não usou uma das falas do filme com algum amigo, ou mesmo comentou sobre o assunto com entusiasmo? Se não o fez, alguém no seu trabalho já o fez, com certeza.

Eu mesmo, já me peguei no trabalho esbravejando: “Missão dada é missão cumprida!”

Cambio, desligo.

<p>Dinheiro não traz felicidade… mas compra quadrinhos, que é quase a mesma coisa!</p>

Top